Popular Tags and Popular Profiles
We have moved the instagram page to the web for you.
Por Magnória Santos Ψ⚖️ #B6HRgnHjIJK photo

Por Magnória Santos Ψ⚖️

@psicologa_forense

favorite
95 Beğenme
A Avaliação Psicológica conduzida no âmbito do Judiciário tem por objetivo obter informações fidedignas das partes diretamente envolvidas no processo. No entanto, nesse contexto, a obtenção de tais informações com um nível razoável de confiabilidade é uma tarefa de alta complexidade. Essa dificuldade se verifica porque os envolvidos são sempre “partes interessadas”. Assim, os dados obtidos para análise e posterior julgamento são, na melhor das hipóteses, geralmente tendenciosos. Uma vez que os interessados estarão na defesa daquilo que cada um considera seu por direito, ao julgar, o Magistrado, invariavelmente terá diante de si, partes que fornecerão informações seletivas, distorcidas, dissimuladas, enfim, constituídas de elementos, muitas vezes, falseados e que, portanto, não traduzem exatamente a realidade que deu origem ao processo. Por esse motivo, o Juiz que, embora detenha conhecimentos da área Judiciária, acaba sendo leigo nas demais searas do conhecimento, faz-se da expertise de profissionais de outras áreas para assessorá-lo nos assuntos que não domina. No que tange aos aspectos psicológicos envolvidos nas motivações do comportamento humano que levam o indivíduo a praticar determinadas condutas, o especialista do qual o Juiz se vale para auxiliá-lo na análise necessária à decisão mais justa é o Psicólogo especializado na área Jurídica, mais conhecido aqui no nosso país como Psicólogo Judiciário e, no exterior, de forma geral, como Psicólogo Forense. É esse profissional que será convocado a realizar a Avaliação Psicológica das partes, a analisar os autos, fornecendo, por fim, um Parecer que o auxiliará na formação do seu convencimento do que seria o mais justo para todos os envolvidos no processo.

Popular Tags © 2018